27/11 - Dia do Técnico de Segurança

O dilema do profissional de Segurança do Trabalho é ser notado apenas quando um acidente acontece!




Hoje dia 27/11 comemora-se o dia do Profissional da Segurança. A lei 7410 de 1985 foi a responsável por cravar a homenagem. Quase "Quarentona", a profissão ainda briga por reconhecimento no mercado de trabalho.


Na chamada destaquei que lembramos com mais facilidade do trabalho do técnico quando um acidente ocorre - Tarde demais! Quando somos cobrados para usar o EPI, andar na faixa, não obstruir extintores, não "jumpear" sensores, priorizar a participação daquele treinamento anual, enfim, ATUAR NA PREVENÇÃO, respeitar as regras.


Passei por poucas situações de acidente de trabalho diretamente e algumas indiretamente, e de fato, os eventos ocorrem numa fração de segundos e mesmo com toda a preparação, a tensão do momento de um acidente, paralisa alguns, faz suar frio outros e uma vida pode estar em jogo se não soubermos como agir quando a necessidade bate.


Túnel do Tempo


O ano era 1993, lembro que estudava à noite, inverno chuvoso. Eu morava perto do meu primeiro trabalho, estudava a noite até 22:30h e acordava 04:00h da manhã para iniciar às 05:00.


Algumas vezes, acordava com o sinal da sirene super estridente da caldeira do meu amigo Schade - "Ohhh Cunhado véio" - Outra hora explico essa história. Em resumo o Usain Bolt não era nascido, mas fazia em 12 segundos da minha casa até o trabalho, correndo. Voltando ao causo do acidente, foi leve, mas foi um pequeno acidente. Pois então: Pulei da cama, passei uma agua no rosto e "piquei a mula". Essa corrida era com obstáculos, fui descer um barranco e dei um "Resbalão", cai de bunda no barro, mas apesar da cena cômica, acabei tendo a sorte de encontrar um relógio, alguém tinha caído no mesmo lugar que eu perdeu o "Oriente". Chegando no trabalho comentei sobre a minha passagem e Sr. Orlando falou que também tinha caído, achei o dono do relógio.


Moral da história, sair antecipadamente de casa, com calma, organizando e planejando as etapas é fundamental para evitar acidentes. Garanto que você deve conhecer histórias parecidas, mas com final mais trágico.


A missão de Educar.


A grande missão do técnico, está centrado na EDUCAÇÃO e com base em inúmeras normativas técnicas, lançam mão de procedimentos para sensibilizar, orientar e reduzir ou eliminar os problemas, melhorar as condições de trabalho.


Fazer essa ponte entre profissionais e empresa, exige uma dedicação muito grande. Prevenir acidentes ou doenças é uma nobre missão.


E por isso hoje, todo nosso reconhecimento e admiração aos TECNICOS DE SEGURANÇA pela passagem do seu dia. Vamos cada um fazer bem feito a parte que nos cabe e respeitar as orientações replicadas pelos nossos Técnicos.


Joelcio Moreira



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo